Dicas para ter pernas bonitas Manaus, Amazonas

Nova tratamento para deixar as canelas lindas e torneadas. Você acha que seu tornozelo é fino e desproporcional ao seu corpo? Uma nova técnica cirúrgica pode colocar fim a esse incômodo. Leia mais abaixo.

João BL Botelho
(92) 234-5609
bc Ribeiro, 520, sl 705, Parque 10 De Novembro
Manaus, Amazonas
 
Wellington Sampaio
(92) 236-1672
r Acre, 31, bl 31 b ap 3, Parque 10 De Novembro
Manaus, Amazonas
 
João LP Machado
(92) 232-4559
bc Ribeiro, 620, sl 203, Parque 10 De Novembro
Manaus, Amazonas
 
Paulo MG Lobo
(92) 633-1764
r Ramos, 89, São José Operário
Manaus, Amazonas
 
Antônio Lg Matos
(92) 236-7505
av C Nery, 2240
Manaus, Amazonas
 
Roberto O Mello
(92) 232-3915
r C Azevedo, 9, sl 206
Manaus, Amazonas
 
Luciana SM Vieira
(92) 233-1878
r Ferreira, 1297
Manaus, Amazonas
 

Dicas para ter pernas bonitas

Você acha que seu tornozelo é fino e desproporcional ao seu corpo? Uma nova técnica cirúrgica pode colocar fim a esse incômodo. Confira abaixo algumas das principais dúvidas sobre o procedimento.

Como é a cirurgia de enxerto no tornozelo?
A cirurgia pode ser realizada sob anestesia local e sedação ou raquidiana. Primeiramente, o médico retira um pouco de gordura do abdômen (ou de qualquer outra região que tenha adiposidade de sobra) com a ajuda de uma cânula de 2 mm. Feito isso, a gordura é centrifugada para separar sangue, anestésico, células rompidas das células que estão íntegras. O próximo passo é realizar cerca de duas incisões de 1 a 2mm no tornozelo e é feita a enxertia em diversas camadas. A cicatrização acontece sem a necessidade de dar pontos na área receptora.

Quais as indicações e contra-indicações?
Essa técnica é indicada para pessoas que necessitem de mais volume nessa área. A cirurgia não pode ser realizada em menores de 18 anos, já que ainda acontecerá um desenvolvimento do local, e em pessoas com estado geral de saúde comprometido, infecções ou doenças crônicas não-controladas.

É preciso tomar algum tipo de cuidado antes de fazer a cirurgia?
Como em toda operação, é preciso tomar algumas providências sim. Além dos exames de praxe, como sangue e risco cirúrgico, é essencial que o paciente não use medicamentos anticoagulantes e antiagregantes plaquetários para não comprometer o andamento da cirurgia e o processo de cicatrização. Essa restrição medicamentosa deve começar cerca de sete dias antes da cirurgia.

A recuperação é tranqüila?
Como não há deslocamento de pele, o pós-operatório é bastante calmo. Mas para que tudo ocorra bem, é recomendável seguir alguns cuidados: a paciente deve evitar fazer pressão no local por cerca de 20 dias, submeter-se a sessões de drenagem linfática para diminuir o inchaço a partir do quinto dia, não usar salto alto durante dez dias, usar meia de compressão elástica por pelo menos um mês e não tomar sol enquanto houver equimose (roxo). Na maioria das vezes, já é possível voltar às atividades normais em torno de quatro a cinco dias depois da plástica. E após três semanas, é permitido praticar exercícios, como caminhada.

Por que não se utiliza prótese silicone?
A prótese é indicada para casos em que não há gordura para doar, ou que necessita de muito volume. Ainda assim, o índice de complicações é maior do que da lipoestrutura.

O resultado final é permanente?
O resultado é duradouro, mas se a paciente emagrecer pode perder parte do volume enxertado.

Clique aqui para ler este artigo no Guia da Plastica