Criação de canais próprios via SMS Maracanaú, Ceará

Um canal de SMS que envia dicas de aplicativos para iPhone uma vez por semana para o celular das pessoas cadastradas. Este é um dos exemplos de uso do Lembreto, um novo serviço que permite que qualquer pessoa crie um canal próprio para o envio de notícias via SMS. Veja mais no artigo abaixo.

BB=CELL
85 2353 1178- 87017755
rua guilherme rocha n381
Fortaleza, Ceará
 
Vanderlei F Paz
(85) 341-3665
r Afro Campos, 389
Maracanaú, Ceará
 
Luiz Azevedo Nascimento Cabeleireiro
(85) 382-1252
av Vii, Jereissati I
Maracanaú, Ceará
 
Galba L Lopes
(85) 384-1706
r 0019, 703, lj 2, Santa Maria
Maracanaú, Ceará
 
Casa da Beleza Cabeleireiros Unissex
(85) 281-5891
r General Piragibe, 163, Alagadico
Fortaleza, Ceará
 
Rosa MH Cordeiro
(85) 341-1170
r Cap Manuel Bandeira, 250
Maracanaú, Ceará
 
Salão Unissex Iracema
(85) 384-1700
r 72, 865
Maracanaú, Ceará
 
Nelson L Lopes
(85) 341-0737
pc João Leite, 296
Maracanaú, Ceará
 
Raimunda Oa Laurindo
(85) 371-2284
av IV, Jereissati I
Maracanaú, Ceará
 
Antonia B Marques
(85) 231-0144
r Lauro Maia, 939, José Bonifacio
Fortaleza, Ceará
 

Criação de canais próprios via SMS

SMS, Serviço, Notícias, iPhone, Usuários, Tráfego, TIM, Operadoras, MensagensUm canal de SMS que envia dicas de aplicativos para iPhone uma vez por semana para o celular das pessoas cadastradas. Este é um dos exemplos de uso do Lembreto, um novo serviço que permite que qualquer pessoa crie um canal próprio para o envio de notícias via SMS.

O Lembreto está funcionando desde o fim de janeiro e apenas nos 15 primerios dias conquistou cerca de dois mil usuários e registrou a criação de 500 canais. O tráfego diário é de cerca de mil mensagens tarifadas.

Segundo a Aorta, o canal de dicas para iPhone, por exemplo, já tem aproximadamente 200 assinantes.

Cada mensagem de notícia recebida custa 31 centavos mais impostos. Uma fatia deste valor é repassada pela operadora à Aorta, que destina entre 10% e 40% do que recebe ao dono do canal. Com exceção da TIM e da Sercomtel, todas as operadoras já estão conectadas ao serviço.

A Aorta afirma que, no futuro, o criador do canal poderá bancar o custo das mensagens enviadas, comprando antecipadamente um determinado número de SMSs ou as mensagens poderão ser sustentadas por meio de publicidade.

Fonte: IDG Now

Clique aqui para ler este artigo na Techlider