Contemplando o Mercedes-Benz CLC 200 Boa Vista, Roraima

As dimensões compactas ( 445 cm de comprimento, 173 cm de largura e 140 cm de altura) e as linhas marcantes enfatizam o visual esportivo do CLC 200K. Na grade do radiador, destaca-se a estrela da Mercedes-Benz no centro, característica histórica dos coupés da marca. A esportividade também se faz presente embaixo do capô, onde impera o propulsor 1.8L kompressor de 184 cv de potência.

Autoville Multicar
(95) 3623-2820
av Ville Roy, 5733, Centro
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
E. A. Batista e Cia Ltda
(95) 3624-4272
av Glaycon de Paiva, 1329, São Vicente
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
GP veículos Ltda
(95) 3623-4500
av Maj Williams, 756 ala 4, Boa Vista
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
B V Boa Vista Veículos Ltda
(95) 3224-0503
av Maj Williams, 1002, São Francisco
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Polo Veiculos Ltda
(95) 3625-7343
r Ataíde Teive,Gal, 2672, Liberdade
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Diamond Veículos Multimarca
(95) 3624-2100
av Gal Ataíde Teive, 1280 A, Mecejana
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Tropical Veiculos Ltda
(95) 3224-6810
av Ville Roy, 4562, São Pedro
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Estrela Veículos
(95) 3627-0049
av Gal Ataíde Teive, 4114, Asa Branca
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Maximize Car Ltda
(95) 3626-4303
av Brasil, 484, Treze de Setembro
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Auto Vista Veículos
(95) 3224-0102
av Maj Williams, 1951, Centro
Boa Vista, Roraima

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Contemplando o Mercedes-Benz CLC 200

Fornecido por:

Audi A3 Sportback, Volvo C30 e BMW 120i que se cuidem. Está chegando ao mercado nacional um concorrente à altura, porém, feito no Brasil. Estamos falando do Mercedes-Benz CLC 200 Kompressor. Espera aí! Mercedes-Benz feito no Brasil? Sim, e em Minas Gerais ! A fábrica é a de Juiz de Fora, aquela que fabricava o Classe A, lembra?

 

Para quem não sabe, desde o fim da fabricação do monovolume no Brasil, em 2005, a unidade fabril mineira passou a montar o Classe C, só que exclusivamente para exportação. Mas agora, a montadora alemã resolveu "direcionar" uma parte dessa produção para o mercado brasileiro e está mandando para as suas concessionárias o novíssimo coupé CLC 200 Kompressor com um preço bem competitivo: R$ 124.900,00.

 

VISUAL ESPORTIVO

 

As dimensões compactas ( 445 cm de comprimento, 173 cm de largura e 140 cm de altura) e as linhas marcantes enfatizam o visual esportivo do CLC 200K. Na grade do radiador, destaca-se a estrela da Mercedes-Benz no centro, característica histórica dos coupés da marca.

 

Na traseira, as modernas lanternas, as lâmpadas LED -- que compõem a terceira luz de freio -- e o pára-choque traseiro realçam a largura da carroceria. O único pecado da Mercedes-Benz na carroceria do CLC 200K foi a falta do sensor de estacionamento, que não é oferecido nem como opcional.

 

INTERIOR "PELADO"

 

Por dentro, mais algumas ausências: a regulagem do banco do motorista é totalmente manual (para um carro dessa categoria, merecia ser elétrica), o ar condicionado é analógico e o botão de temperatura tem marcação com intervalo de quatro graus. Além disso, não há luz de cortesia nos para-sóis e nem temporizadores nos vidros elétricos.

 

Apesar da falta desses "mimos", o acabamento interno é bom, com destaque para elementos de alumínio escovado. O volante de três raios é multifuncional e os bancos são esportivos, com opção de forração em preto, cinza alpaca ou uma combinação de preto e vermelho, conferindo ao interior um padrão exclusivo e personalizado.

 

POTENTE E ECONÔMICO

A esportividade também se faz presente embaixo do capô, onde impera o propulsor 1.8L kompressor de 184 cv de potência (20 cv a mais do que seu antecessor, o Sports Coupé) e 25,5 kgfm de torque máximo (a partir de 2.800 rpm). Resultado: o CLC sai da inércia e atinge os 100 km/h em 8,6 segundos, o que o torna 0,5 segundo mais rápido que o seu antecessor.

Mais potente, mais rápido e -- pasmem! -- mais econômico. Isso mesmo! Segundo a Mercedes-Benz, o consumo do CLC 200K é de 12,3 km/l de gasolina (combinado estrada/cidade), ou seja, 8% mais econômico do que o Sports Coupé.

Clique aqui para ler este artigo na Autopista.com