Conhecendo o novo Peugeot 407 Manaus, Amazonas

Apresentado ao público brasileiro, o novo Peugeot 407 (sedan e SW) começa a chegar às concessionárias da Marca no fim deste mês, com identidade visual renovada. Ainda mais charmoso e sofisticado, o 407 ganhou novas entradas de ar, marcadas por uma grade composta por uma tripla fileira de barras horizontais e verticais, todas elas cromadas. Com elegância e distinção, é complementada por um fino friso também cromado.

Central Car Veiculos Ltda
(92) 3233-8011
r Machado,Dr, 793, Pça 14 de Janeiro
Manaus, Amazonas

Dados Divulgados por
Fortaleza Veiculos Ltda
(92) 3232-3151
r Emílio Moreira, 1422, Pça 14 de Janeiro
Manaus, Amazonas

Dados Divulgados por
Jmg Veiculos Ltda
(92) 3084-5778
r Emílio Moreira, 1223, Pça 14 de Janeiro
Manaus, Amazonas

Dados Divulgados por
Crystal Veiculos Ltda
(92) 3232-9266
av Tefé, 713, Cachoeirinha
Manaus, Amazonas

Dados Divulgados por
Alecrim Veiculos Ltda
(92) 6111-1111
r Emílio Moreira, 1161, Pça 14 de Janeiro
Manaus, Amazonas

Dados Divulgados por
Auto Park Veiculos Ltda
(92) 3232-3773
av Carvalho Leal, 875, Cachoeirinha
Manaus, Amazonas

Dados Divulgados por
Cicar Veiculos Ltda
(92) 3231-1616
av Japurá, 495, A, Centro
Manaus, Amazonas

Dados Divulgados por
Aten's Veiculos Ltda
(92) 3633-7330
r Emílio Moreira, 1561, Pça 14 de Janeiro
Manaus, Amazonas

Dados Divulgados por
A. S. C. Veiculos Ltda
(92) 3234-2186
av Joaquim Nabuco, 2092, Centro
Manaus, Amazonas

Dados Divulgados por
Cidade Alta Veiculos Ltda - Me
(92) 3639-1331
r Darcy Vargas, 572, Chapada
Manaus, Amazonas

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Conhecendo o novo Peugeot 407

Fornecido por:

Apresentado ao público brasileiro, o novo Peugeot 407 (sedan e SW) começa a chegar às concessionárias da Marca no fim deste mês, com identidade visual renovada. Seu preço começa nos R$ 82.900,00 (versão Allure, com motor 2.0L). E, em função desse modelo atualizado, as unidades anteriores ainda presentes nas revendas serão comercializadas pelo preço promocional de R$ 75.900,00.

 

Ainda mais charmoso e sofisticado, o 407 ganhou novas entradas de ar, marcadas por uma grade composta por uma tripla fileira de barras horizontais e verticais, todas elas cromadas. Com elegância e distinção, é complementada por um fino friso também cromado.

 

A traseira do sedan, com volumes e design reformulados, recebeu uma tira de proteção com um filete cromado. Alteradas, as lanternas contribuem em originalidade, com uma máscara vermelho-rubi e tratamento branco-cristal na parte reservada à luz de ré e às setas de direção.

 

Já no 407 SW, a traseira introduz uma nítida evolução de estilo. Com curvatura mais pronunciada, redesenhando o porta-malas e incorporando os elementos de proteção com frisos cromados. As novas lanternas são dotadas de um efeito diodo pronunciado na parte superior, alongada.

 

REQUINTE A BORDO

 

O acabamento das versões Allure prima pelo requinte e oferece o máximo prazer de dirigir e conforto aos ocupantes. Os bancos receberam revestimento em veludo, e o volante e a manopla do câmbio, em couro. O painel de instrumentos, com nítida visualização de funções e comandos, possui detalhes do tipo alumínio, assim como portas, console central e saídas de ar. As rodas são em liga leve de 16 polegadas .

 

O novo 407 é equipado ainda com o Kit Mãos Livres com sistema Bluetooth, integrado ao sistema de som do veículo e acesso à agenda do celular, direção com assistência hidráulica variável, ar-condicionado com saída de ar para os bancos traseiros, computador de bordo, piloto automático (limitador e regulador de velocidade), sensor de acendimento automático dos faróis, limpador de pára-brisa automático com sensor de chuva e indexado à velocidade, CD Player com MP3 e comando de som no volante.

 

A luminosidade do habitáculo é garantida pelo vasto pára-brisas inclinado com superfície de 1,6 m2 , garantindo ótima visibilidade para os ocupantes. Essa luminosidade é acentuada no 407 SW com o imenso teto panorâmico de vidro associado a uma cortina elétrica com comando seqüencial.

 

A versão Allure é equipada com motor 2.0 a gasolina, que desenvolve 143 cavalos de potência a 6.000 rpm e um torque máximo de 20 kgfm a 4.000 rpm, e recebe transmissão automática seqüencial de quatro marchas.

 

PROPULSOR V6

 

A versão Griffe do 407 Sedan e a Feline do 407 SW saem de fábrica equipadas com motor 3.0 V6, que desenvolve 211 cavalos de potência a 6.000 rpm e oferece torque máximo de 29 kgfm a 3.750 rpm. Nesse caso, o câmbio é automático seqüencial de seis marchas.

 

Os modelos disponibilizam bancos com revestimento em couro e assentos dianteiros com ajuste elétrico e aquecimento, ar-condicionado automático digital Bi-zone, espelho interno eletrocromático, roda em liga leve de 17 polegadas para SW e de 18 polegadas para o Sedan, disqueteira para seis CDs e faróis de Xenon.

 

Ainda nas versões com motorização 3.0 V6, o sistema de ajuda ao estacionamento dianteiro está associado ao detector de obstáculos traseiro, oferecendo não apenas um maior conforto ao motorista nas manobras de estacionamento, mas também uma segurança adicional.

 

DEZ AIRBAGS

 

Tendo recebido cinco estrelas EuroNcap no teste de proteção dos ocupantes adultos, o 407 oferece uma boa proteção para seus passageiros graças à sua estrutura dianteira com dupla via de repartição de esforços, à direção retrátil e a um sistema de proteção interna composto por meios de retenção altamente eficientes -- até dez airbags, encostos de bancos ativos que evitam lesões na nuca em caso de choque brutal, cintos de segurança que mantêm e respeitam o corpo dos ocupantes e alertas de cinto de segurança desafivelado.

 

Para a segurança específica das crianças, dois assentos Isofix podem ser instalados nos bancos laterais traseiros. O modelo ainda é dotado de um sistema de travamento elétrico das portas e dos vidros laterais traseiros.

 

O novo 407 dispõe também de controle eletrônico de estabilidade (ESP) e os freios são a disco nas quatro rodas assistidos por ABS de última geração, contando com gerenciamento de frenagem roda por roda (REF).

Clique aqui para ler este artigo na Autopista.com