Avaliando o Stilo Dualogic da Fiat Brasília, DF

Stilo Dualogic, um carro com estilo, é lógico! Avaliamos o Stilo equipado com câmbio Dualogic®. O sistema de mudança de marchas automatizado fez sua estréia na nova linha do hatch médio da Fiat, lançada em janeiro. De lá para cá, as vendas do Stilo dispararam.

Antônio Valter Alexandre Bie
(61) 3326-1337
Sepn 504 BL C LJ 33, Asa Norte
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Bali Automóveis Ltda
(61) 3362-6200
sia Tr 3, s/n Lotes 725/895, Brasília
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Edmar Veículos
(61) 3274-1266
sclrn 713 Bl D, s/n lj 3, Asa Norte
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Cometa Veículos
(61) 3349-3232
sepn 510 Bl E, s/n lt 10 lj 450, Brasília
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Ana Maria E Amaral
(61) 3327-5360
SCRN, 703/704 Bl C s/n
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Edmar Veículos
(61) 3274-1266
Sclrn 713 Bl G Lj 21, Asa Norte
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Capital Veiculos Ltda
(61) 3225-8450
crs 502 Bl A, s/n lj 42, Asa Sul
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Dakar Automóveis Ltda
(61) 3424-5500
r SCRN 502 Bl A, s/n lj 74, Brasília
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Bali Automóveis
(61) 3362-6200
Sia Tr 3, s/n Lotes 725/895
Brasília, DF

Dados Divulgados por
DISBRAVE - Distribuição Brasília de Veículos S/A
(61) 3329-9875
qd SEPN 503, s/n, Sn Cj A, Asa Norte
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Avaliando o Stilo Dualogic da Fiat

Fornecido por:

Stilo Dualogic, um carro com estilo, é lógico! 

 

Avaliamos o Stilo equipado com câmbio Dualogic®.   O sistema de mudança de marchas automatizado fez sua estréia na nova linha do hatch médio da Fiat, lançada em janeiro. De lá para cá, as vendas do Stilo dispararam. A média, que em 2007, era de mil unidades comercializadas por mês, saltou para mais de 1,5 mil neste ano (e em julho bateu recorde com 1.924 emplacamentos). E o motivo foi justamente o Dualogic®, que caiu nas graças do consumidor brasileiro. Segundo a Fiat, 50% dos novos modelos são vendidos com o câmbio robotizado. Mas, afinal, o que o Dualogic® tem de especial para atrair tantos compradores? Veja o que descobrimos durante as duas semanas de teste drive no Novo Stilo .

 

O modelo cedido pela Fiat para nossa avaliação foi um prata, versão Sporting, que, diga-se de passagem, era belíssimo. As fotos ao lado não me deixam mentir. Equipado com teto solar elétrico Sky Window®, faróis com máscara negra e de neblina, spoiler na tampa traseira, rodas em liga leve aro 17 e grade frontal com detalhes em vermelho (todos itens de série), o "nosso" Stilo chamou a atenção nas ruas, principalmente de quem já tinha um dos modelos antecessores.

 

Já no primeiro dia de teste drive, fomos abordados por um proprietário de um Stilo 2005, que perguntou: "Esse é o Stilo novo, não? E o câmbio é aquele diferente? E, me conta uma coisa, vale a pena?". A pergunta repetiu-se diversas vezes por muitas outras pessoas. A resposta que demos, é claro, foi: "Leiam a matéria no AUTOPISTA!". Pois bem, aqui está a matéria e a resposta.

 

Mas antes de respondermos se vale a pena ou não pagar pouco mais de R$ 2,5 mil pelo câmbio Dualogic® no Stilo, é preciso que você entenda o que é um câmbio automatizado (ou robotizado, como queira). Pois bem, imagine uma transmissão que oferece a economia (combustível e manutenção) de uma manual e, ao mesmo tempo, o conforto de uma automática do tipo tiptronic (ou seja, não existe o pedal da embreagem e você só muda a marcha manualmente se quiser). Imaginou? Pois essa é a transmissão automatizada, que, no caso da Fiat, foi batizada de Dualogic®. O sistema é o mesmo de uma caixa de câmbio manual convencional com sistema de embreagem. A diferença é que as trocas de marcha, assim como o acionamento da embreagem, são feitas automaticamente.

 

Para quem dirige, a sensação é bem semelhante à de um carro automático com tiptronic. O motorista escolhe a maneira como quer dirigir: com trocas automáticas de marchas (nos modos econômico ou esportivo) ou com trocas manuais seqüenciais, através da alavanca (tipo joy-stick) no console central. Mas, o melhor de tudo é poder fazer as trocas seqüencialmente através dos padles (alavancas tipo borboletas) localizadas atrás do volante -- como nos carros de F1! Pena que, para isso, é preciso desembolsar a "bagatela" de R$ 3.754,00!!! Isso mesmo. O volante em couro que vem com as tais borboletas e comandos do rádio custa R$ 693,00, mas só é comercializado com um outro pacote que inclui duplo airbag, freios com sistema ABS e controle de tração (TC), e que custa R$ 3.061,00.

 

OPERAÇÃO

 

Mudar do modo manual para o automático (ou vice-versa) é muito simples. Basta deslocar a alavanca para a esquerda na posição D/M, com o carro parado ou em movimento. E , nos dois modos, o display localizado no painel de instrumentos acusa qual marcha está em uso. Caso você esteja no manual e tente passar para uma marcha que o sistema entende não ser a mais adequada, um alarme sonoro -- insuportavelmente aborrecido -- é acionado e a mudança não é realizada. Portanto, se você é daquele motorista que não gosta de ficar "brigando" com o carro sobre qual marcha deve ser engatada, é melhor pensar duas vezes antes de optar por um câmbio automatizado -- e mesmo um automático tiptronic.

 

Outro ponto que pesa contra o Stilo Dualogic é que, mesmo estando vazio, ele sai da inércia lentamente, principalmente nas subidas -- como acontece em muitos carros com transmissão automática . Além disso, no começo de nossa avaliação, sentimos muitos trancos nas trocas de marchas. Mas, depois de algumas horas no comando do hatch, já conseguíamos perceber o momento exato da troca, e, para diminuir o tranco, bastava aliviar um pouco o acelerador. Tudo uma questão de costume. E, depois que você se familiariza com o câmbio automatizado, meu amigo, você não vai querer saber de outro. Afinal, não há nada melhor do não precisar de pisar na embreagem a cada mudança de marcha!!!

 

Em tempo:

 

- O motor do Stilo Dualogic é o mesmo 1.8L 8V Flex, que já equipava as versões anteriores. Não é nenhum possante (rende 112 cv com gasolina e 114 cv com álcool), mas oferece um desempenho razoável, inclusive quando é acionado o modo esportivo S (faz com que as marchas sejam trocadas em rotações mais elevadas). 

 

- Em nosso circuito de testes, o computador de bordo marcou médias de 6,0 km/l de álcool e 8,5 km/l de gasolina.

 

- As demais tecnologias embarcadas também são as mesmas das versões anteriores . Destaque para o sistema de direção elétrica Dual Drive com modo City, que torna a dirigibilidade do carro extremamente prazerosa, principalmente em manobras.

 

- O acabamento é esmerado e o espaço interno comporta cinco adultos. Pena que o passageiro que viaja no meio do banco traseiro só conta com cinto de segurança abdominal (merecia um de três pontas).

 

- O porta-malas é razoável. Mas o que mais impressiona é quando abrimos o assoalho dele: um estepe com rodas em liga leve idêntica às demais. Raridade!

 

- O Stilo Sporting Dualogic custa a partir de R$ 64.110,00, podendo chegar a estratosféricos R$ 78.087,00 (com todos os opcionais e pintura metálica). E agora sou eu quem pergunto: "Você pagaria?"

 

 

Clique aqui para ler este artigo na Autopista.com