Aprendendo técnicas de afastar o medo Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Quando você mantem o sentimento do medo na sua mente, você dá existência a ele, ao medo. Quando você não enfrenta o medo; você o fortalece em sua vida. Quando você o enfrenta com decisão e confiança, você o vence.

Centro Psicológico de Controle do Stress
(67) 3383-0199
av dos Estados, 112, Jardim dos Estados
Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Dados Divulgados por
Clínica de Psicologia e Fonoaudiologia
(67) 3324-6026
av Mato Grosso, 358, Centro
Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Dados Divulgados por
Ismape - Apoio Psicológico e Educacional
(67) 3382-6748
r Arthur Jorge, 1048 Sl 2
Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Dados Divulgados por
Clínica de Psicologia Mendes
(67) 9249-3434
r Eduardo Santos Pereira, 295, Centro
Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Dados Divulgados por
Andrade, Denisval P
(67) 3324-4920
r Antônio Corrêa, 319 lt 10, Jardim Monte Líbano
Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Dados Divulgados por
Arruda, Ângelo M V
(67) 3383-2307
r Eduardo Santos Pereira, 1659 s 5, Jardim dos Estados
Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Dados Divulgados por
CIDAPP-Centro Integrado de Desenvolvimento e Pesquisa em Psicologia
(67) 3324-9599
r Sebastião Lima, 1143, Jardim Monte Líbano
Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Dados Divulgados por
Clínica de Psicologia Andrea Lacet, Dra
(67) 3321-8077
r Rio Grande Sul, 1530, Jardim dos Estados
Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Dados Divulgados por
Adauto Furlanetti
(67) 9264-4869
r Eduardo Santos Pereira, 295 1º Andar, Sala 2
Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Dados Divulgados por
Clínica de Psicologia Merege
(67) 3384-3907
r 25 de Dezembro, 476 s 4, Centro
Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Aprendendo técnicas de afastar o medo

O medo

Não existe nada mais aterrador, nem mais indesejado do que o medo. Tudo aquilo que nos ameaça, que nos coloca em perigo de vida, de adquirir uma doença, de perder um emprego, de não conseguir atingir uma meta, de perder um amor, ou um bem, ou uma companhia querida, ou um parente, tudo isso redunda em medo. Que é aquela estranha sensação de que podemos ou vamos perder algo. Um bem, um conforto, uma vitória, uma viagem, um imóvel, enfim, algo de valor, que nos agrada ou que necessitamos. Medo. É uma sensação de que vamos perder ou de que podemos perder um bem. É uma forte desconfiança de que não vai dar certo, ou de que não somos capazes, ou de que vão nos tirar algo de valor.

Temos medo de perder. Temos medo de não conseguir, de não sermos capazes, de nos faltar forças ou meios. Acima de tudo o medo é uma sensação de que vamos perder algo de qualquer tipo, substância ou qualidade.

O medo tolhe, freia, incapacita, impossibilita. O medo pode gerar pânico, timidez, fobias, agressão. O medo diminui a nossa capacidade de realizar, de fazer, de atingir, de transformar em realidade a meta, o sonho, a realidade sobre a qual temos controle e podemos certamente atingir. Ele diminui nossa capacidade de empreender, de conseguir, pois enfraquece nossas forças com a desconfiança de que não conseguiremos chegar ao ponto imaginado ou planejado. O medo amarra, tolhe, diminui as possibilidades de sucesso. Resumindo, o medo é um sentimento que proporciona um estado de alerta demonstrado pelo receio de fazer alguma coisa ou de ser atingido por alguma coisa, geralmente por se sentir ameaçado, tanto fisicamente como psicologicamente.

O medo também é conhecido por ansiedade, pois nela o individuo teme antecipadamente o encontro com a situação ou objeto que lhe causa medo.

Todos nascemos com apenas dois medos: O medo do barulho e o medo de cair. Todos os demais adquirimos ao longo da vida, em situações nas quais nos achamos incapazes de lutar e superar os obstáculos. Observe bem o que foi dito: ... situações que nos achamos incapazes de superar.

Portanto, o medo, na maioria das vezes, é criado por nossa insegurança e desconfiança dos nossos próprios valores. Achamos que não vamos conseguir, que não teremos meios ou força para atingir aquela meta e, com isso, começamos a dar existência aos nossos medos. O medo é um dos mais perniciosos enganos cultivados por muitas pessoas quando aprisionam a vontade e a capacidade humana, justamente nos momentos em que elas são mais necessárias. A partir do momento em que não confiamos que as coisas darão certo, com certeza, não darão certo. Quando temos medo, e aceitamos esse medo como algo provável, como algo insuperável, e sobre o qual nada poderemos fazer, assim será. Mas se voce se recusa a se amedrontar – o medo voce o provoca em si mesmo – e busca com calma e serenidade uma solução, e acredita que conseguirá um final feliz, você conseguirá. Por que a fé determina isso, por que a fé remove montanhas, por que para a fé, diz a Palavra de Deus, nada é impossível.

Temos outra alternativa: Quando não acredita em você mesmo. Então, você já está derrotado. Vamos, descarte o medo. Sorria e tenha fé. Voce vai conseguir, de uma forma ou de outra. Se você cultivou confiança em si mesmo, você terá mais força e sua atuação será melhor, o que tornará mais viável a sua vitória.

Quando você mantém o sentimento do medo na sua mente, você dá existência a ele, ao medo. Quando voce o afasta com decisão da sua mente, voce o aniquila e o seu espaço é ocupado pela convicção da vitória. O medo paralisa as pessoas; a fé e a confiança em si mesmo potencializa a força da vitória.

Observem algumas partidas de futebol e veja o que acontece com alguns times quando jogam no seu próprio campo. O time rende mais, atua melhor, quase sempre consegue a vitória. Por que acontece isso? O campo é igual, as regras são as mesmas, no entanto, o time rende muito melhor no seu próprio campo e muitas vezes ganha a grande maioria das partidas, ficando até mesmo dezenas de partidas sem perder. Qual a diferença, o que acontece para o rendimento ser melhor no seu próprio campo? Simplesmente, a presença de sua própria torcida em grande maioria no estádio, muda toda a situação. “Mas, a torcida não joga”, dirá você, “a torcida não entra em campo!” Mas incentiva, anima, grita, empurra o time para frente! E aí está a diferença. No jogo da vida, seja o seu maior torcedor, acredite em voce mesmo, tenha fé nas suas qualidades! Parta para o ataque! Não tenha medo!!

E a vitória será sua.

 

Ebenézer Anselmo

Membro da Academia Evangélica de letras do Brasil, Membro da Sala de Letras Gabriela Mistral de Petrópolis, escritor, cronista, contista, Professor de Motivação Pessoal, articulista de vários jornais. E-mail: ebenezeranselmo@yahoo.com.br

Clique aqui para ler este artigo na Artigonal.Com