Aprendendo a elaborar uma cotação eficiente Araraquara, São Paulo

Saiba como vencer a concorrência apresentando uma cotação bem feita. O especialista em vendas Jean Oliveira explica como a confecção do orçamento pode ser decisiva para a decisão do cliente. Ele ensina dez regras curtas de como seduzir e ganhar a credibilidade do avaliador.

Solutions M&R Assessoria Empresarial Ambiental
(19) 3801-1421
R. Pedro Gonçalves, 1.159
Indaiatuba, São Paulo
 
Novo Espaço Manufatura em Acrílico Ltda
(115) 505-5937
r Oswaldo Casimiro Muller, 351, Itaim Bibi
São Paulo, São Paulo
 
RS Oficina de Arte Comunicação S/C Ltda
(113) 772-4413
av João Guimarães,Dr, 250, Vila Sônia
São Paulo, São Paulo
 
Estação Tratamento Água Mogi Guaçu
(193) 861-1703
r João Bueno Junior, Vila São João, Mogi-Guaçu
Mogi-Guacu, São Paulo
 
Vila Brasil Camisetas Promocionais - Fabricação Própria
(115) 851-2266
r Gonçalo Pinto, 1, A
São Paulo, São Paulo
 
Prudens Brindes
(18) 221-2860
r Paraíba, 149, Vila Furquim
Presidente Prudente, São Paulo
 
Gomes de Oliveira Advogados Associados
(113) 168-5598
r Pedroso Alvarenga, 1208, An 10, Itaim Bibi
São Paulo, São Paulo
 
Roberto K Ito
(12) 281-3167
r Md B Silva, 230
Taubaté, São Paulo
 
N&C Brindes Personalizados
(113) 812-1057
r Purpurina, 38, Pinheiros
São Paulo, São Paulo
 
SF Brindes Personalizados Ltda
(116) 914-0657
r Manuel Buchalla, 214, An 8 Cj 84, Ipiranga
São Paulo, São Paulo
 

Aprendendo a elaborar uma cotação eficiente

Recentemente precisei de cotação para serviços gráficos, e passei por uma experiência interessante e infelizmente muito comum, da qual podemos tirar lições de ouro para agir certo. Segue uma convenção nos negócios que devemos ter no mínimo três orçamentos, assim fiz e eis os resultados.

Na primeira delas, antes que eu terminasse de explicar exatamente o que eu desejava, o atendente já me de passou de imediato o valor mais barato, na segunda empresa, ao contrário da anterior, me pediram meu nome e telefone, pois me ligariam com o valor em breve, a última gráfica só aceitaria a minha solicitação pelo site, em seguida eles me responderiam por e-mail.

A primeira gráfica falhou em não me perguntar nome, telefone, e-mail, não perguntou qual minha empresa ou nenhum outro dado, falha muito grave, pois hoje em dia, informação é capital para gerenciamento e um banco de dados bem estruturado tem o poder transformar alguma futura época de tempestade em uma marolinha. O atendente também não escutou toda a minha solicitação, se fizesse teria notado que poderia ter agregado mais itens à venda e conseguido um faturamento maior, além do que eu não estava procurando o item mais barato e sim o melhor que eles teriam pra oferecer. Um outro detalhe que alguns vendedores insistem em não acreditar, é que o cliente do outro lado do telefone sente quando há má-vontade ou cara feia.

Do segundo orçamento não tenho muito que comentar, pois espero seu retorno com o valor até hoje!!!Perdeu em credibilidade e neste caso, cabe a regra de que um cliente insatisfeito transmite sua má experiência a cinco vezes mais pessoas do que se tivesse seu problema resolvido.

O último utilizou os recursos mais eficientes que conheço para perder clientes, colocou dificuldade só aceitando cotações via Internet e evitaram o contato direto com o cliente, parabéns!

Apesar de me “atender”, a primeira foi a que mais errou, pois teve o contato com o cliente e desperdiçou as chances de fechar negócio, das outras não preciso falar mais...fechei o negócio com uma quarta empresa, que não pecou em atendimento e me documentou sua proposta...

Segue abaixo dez regras de ouro para seguir em cotações:

  1. Identifique sua empresa no cabeçalho da cotação com seu slogan, se tiver;
  2. Coloque um número na cotação, afinal é um documento;
  3. Enderece à empresa solicitante, ao setor responsável e principalmente a pessoa que resolve;
  4. Adicione um breve texto antes da descrição dos itens, como: “Nós da Qualidade de Venda, nos honramos em fazer parte das empresas de vossa confiança, para tanto...”
  5. Detalhe ao máximo o produto ou serviço cotado, apresentando todas suas características;
  6. Não dê seu melhor preço de imediato, estimule o interesse do cliente informando em outra linha, em destaque, os benefícios que seu produto trará ao cliente potencial. Se depois for preciso você ainda terá gordura pra queimar.
  7. Informe todas as condições comerciais, como local e data do faturamento, impostos, tipo de frete, forma (boleto, cheque ou depósito) e prazo de pagamento, valor mínimo do pedido bem como validade da proposta – este item já salvou muita gente.
  8. Coloque TODOS seus contatos, E-mail, celular, nº fixo, não corra o risco de não ser encontrado;
  9. Datar e assinar a cotação;
  10. Seja rápido a responder a cotação, se o seu concorrente for esperto ele não perderá tempo.

 

Para refletir:

Pelas falhas dos outros, o homem sensato corrige as suas. (Autor desconhecido)

Paz e Sucesso a todos nós.

Jean Oliveira

Jean Oliveira

Vendedor, Palestrante de Vendas especializado em Atendimento a Clientes, editor do www.qualidadedevenda.com.br , graduado em Tecnologia de Processamento de Dados, atua ha 15 anos no segmento comercial, diretor da Oliver Equipamentos Ltda e da Qualidade de Venda Desenvolvimento Humano e Profissional.

Clique aqui para ler este artigo na Artigonal.Com