Animais estimulam a reabilitação de deficientes Macapá, Amapá

Conheça os benefícios neurológicos obtidos com a hippoterapia. Saiba porque os animais ajudam na reabilitação de pacientes portadores da Síndrome de Down, traumatismo crânio-encefálico e acidente vascular cerebral. O autor destaca o poder fisioterápico do cavalo e do cão-guia.

Clínica Veterinária O Criar Cães Gatos
(96) 241-5353
av Dq de Caxias, 126, b
Macapá, Amapá
 
Ricardo Nascimento Gomes
(96) 217-2700
psg Jovino Dinoa, 1905, c b, Laguinho
Macapá, Amapá
 
Raimundo Magalhães Santos
(96) 222-2247
av Coriolano Juca, 147, Central
Macapá, Amapá
 
Clínica Veterinria Lazaro
(96) 971-2563
av Fab, 1969, Central
Macapá, Amapá
 
Clínica Veterinária Lazaro
(96) 223-4103
av Fab, 1969, Central
Macapá, Amapá
 
Dabel Dist Amapaens Bebidas Ltda
(96) 241-5633
pr Araxá, 94, Santa Ines
Macapá, Amapá
 
Casa Milena
(96) 222-1215
r Tiradentes, 316, Laguinho
Macapá, Amapá
 
Policlínica Veterinária Mundo Animal
(96) 222-5713
r Leopoldo Mchado, 2435
Macapá, Amapá
 
Dog S House
(96) 223-0367
av Padre Julio Maria Lombard, 3036, a, Central
Macapá, Amapá
 

Animais estimulam a reabilitação de deficientes

Editoria: Vininha F. Carvalho5/6/2009

Amigos inestimáveis ...até na reabilitação das deficiências!

Até na reabilitação os animais de estimação fazem um bem enorme ao
ser humano. São o melhor remédio para o corpo e para a alma, pois fazem com que os seus donos não se sintam tão sozinhos e lhes dão mais segurança.

Há registros no mundo de vários casos de pessoas que superaram a
depressão devido ao convívio com eles. Além disso estudos científicos comprovam que a chance de sobreviver a um enfarte é quatro vezes maior para quem tem um animalzinho em casa comparado a quem vive só.

Também no trabalho de reabilitação de pessoas portadoras de deficiência, podemos contar com habilidade e as características de alguns animais.Um dos animais que pode garantir bons resultados é o cavalo.O condutor, juntamente com a fisioterapeuta e o terapeuta de apoio, formam uma equipe de tratamento complementar chamada hippoterapia,que é indicada para o tratamento de vários tipos de patologia, como paralisia cerebral, traumatismo crânio-encefálico, acidente vascular cerebral, síndrome de Down, esclerose múltipla, enfim, qualquer problema relacionado ao sistema central.

O ritmo mais indicado para a terapia é o passo, pois é através
dele que o cavalo pode transmitir ao paciente o balanço
antero-posterior, o lateral e o vertical, semelhante à ação de pelve humana durante a marcha.

Além dos benefícios físicos, a terapia com cavalos estimula a
orientação espacial, a auto-estimula e o poder de concentração.

O cão-guia é treinado para conduzir com segurança as pessoas
deficientes visuais em qualquer local, sendo capaz de parar no meio fio das calçadas, nos obstáculos, inclusive em desníveis e buracos no pavimento, em estradas, etc.

A comunicação entre o cão e seu dono se dá através de uma coleira especial que permite o reconhecimento do cão,quando ele muda de direção para evitar um acidente ou quando diminui a velocidade num local de maior cuidado.

O cão deve saber analisar o espaço que ele e seu dono ocupam para agir corretamente, como por exemplo,calcular quando o espaço é suficiente para a passagem de seu dono.

Entre as raças de cães utilizados para essa tarefa, estão o Retriever do Labrador o Golden Retriever e oPastor Alemão. Os Labradores e Goldens tem sido preferidos por serem um cães de aparência mais dócil,facilitando a socialização e aproximando as pessoas. O Pastor Alemão é muito atento e dedicado, mas pede um período mais longo de adestramento para controlar o seu impulso de guarda.

Estes e outros animais, aliados à profissionais de reabilitação
especializados, podem trazer muitos benefícios para crianças e adultos com deficiências físicas, sensoriais e emocionais.

Fonte: Vininha F.Carvalho

Clique aqui para ler este artigo na Animalivre