Análise da criminalidade de trânsito Macapá, Amapá

A cada dia que passa, as manchetes nos jornais, nas emissoras de Televisão e nas Rádios registram e noticiam mortes causadas por atropelamentos e acidentes no trânsito. O presente artigo faz uma breve analise sobre as punicoes em quem comete crime de transito. Leia mais abaixo.

Serv de Investigacao e Segurança Particular
(96) 241-1904
av Coaracy Nunes, 706, Central
Macapá, Amapá
 
Ativa Segurança Patrimonial Ltda
(96) 222-1836
av Padre Julio Maria Lombard, 47, Central
Macapá, Amapá
 
Norsegerl Vigilância e Transp Vai Ltda
(96) 223-2496
tv Raimundo Alvares da Costa, 2728, Santa Rita
Macapá, Amapá
 
Emp de Vigilância Alvo Ltda
(96) 222-1455
av Piauí, 655, Pacoval
Macapá, Amapá
 
Ritima Emp de Vigilância Ltda
(96) 222-4354
av Henrique Gallucio, 2380, Central
Macapá, Amapá
 
Jhc Vigilância e Segurança Ltda
(96) 223-0124
r Odilardo Silva, 1425, Laguinho
Macapá, Amapá
 
Jhc Vigilância Segurança Ltda
(96) 222-2228
av Pres Vargas, 2661
Macapá, Amapá
 
Emp de Vigilância Alvo Ltda
(96) 222-0045
av General Osorio, 560, Perpétuo Socorro
Macapá, Amapá
 
Emp de Vigilanci Alvo Ltda
(96) 222-0045
av General Osorio, 560, Perpétuo Socorro
Macapá, Amapá
 
Servinorte Adm Serv Vigi Ltda
(96) 223-9406
av José Antônio Siqueira, 875, Laguinho
Macapá, Amapá
 

Análise da criminalidade de trânsito

Fica tudo por conta de comparecer à delegacia, pagar uma fiança irrisória e o criminoso que matou ou aleijou alguém, na mesma hora é solto e fica livre por aí, dirigindo como se nada tivesse acontecido. Tudo isto é amparado por um código penal brasileiro caduco, ultrapassado e frágil, que guarda nas suas folhas leis desatualizadas para os tempos atuais.

Quem pode e deveria mudar este quadro cruel e desumano?? E quem têm poder e obrigação de fazer mudanças legais, justas e voltadas em defesa do povo?? Os deputados federais, que foram eleitos pela população brasileira, para isso, pois ganham salários milionários, que são pagos pelo povo, isto mesmo, eles ganharam as eleições graças ao voto da população e com o dinheiro dos impostos, que são muitos, este políticos têm garantidos seus salários exorbitante todos os meses e pra quê? Para nada, pois salvo raríssimas excessões a maioria dos deputados federais são uns malandros, parasitas, omissos e "estelionatários da boa fé" de todos nós, que somos um povo pacífico, ingênuo, que sempre acreditamos em mudança para melhor sempre quando das eleições a cada 4 anos.

Por que será que os políticos de Brasília não criam leis rígidas, que pudessem servir na prática como medidas punitivas, inibitórias, coercivas e pedagógicas?? É que eles têm parentes e familiares que também matam e aleijam pessoas no trânsito. Isto, quando eles mesmo não cometem tais desatinos criminosos. Então como eles podem criar leis, para alcançá- los e castigá-los sob as penas de um código Penal atualizado? Tal coisa, está longe, distante e se enquadra como algo impossível de se materializar.

Algum político de Brasília, só pode se mexer para reformular novas leis que se direcionem às leis de trânsito, se dois ou três deles tivessem seus familiáres e parentes mortos por atropelamento ou em "acidentes". Aí, doendo na pele deles, se a dor da perda de um ente querido e amado atingisse a família deles, e o assassino do trânsito fosse "julgado" por crime culposo sem intenção de matar e que aquele monstro fosse "condenado" à distribuir cestas básicas e no máximo, ser submetido à uma reciclagem de ensino prático numa auto -escola. Isto é um absurdo, uma pouca vergonha muito grande.

Entendo que quando se assume o volante de um carro, ônibus ou caminhão, desde o momento que se toma a direção ( no volante) e se pisa no acelerador, estamos tomando para nós todas as responsabilidades e riscos e temos que nos conscientizarmos que se matarmos ou aleijarmos pessoas, que nestes casos estarão impossibilitados de esboçar alguma reação que pudesse evitar o desfecho trágico, pois a vítima é de carne e osso, tem massa corpórea pesando 50, 80 ou 100 kilos, quando um carro embalado de lataria, com rodas de pneus, equipamentos pode pesar 500 kilos ou 2 tonelas, além da velocidade impactante e fatal, por tudo isto, o ser humano não tem como se livrar e se defender na hora em que é vítima do crime de trânsito.

Cabe, muito bem, que matar no trânsito implique na seguinte sentença condenatória:

a) Que quam matar nesta circunstância seja julgado por crime doloso e não mais culposo;

b) Que o motorista tenha a sua carteira de habilitação cassada e que ele nunca mais possa dirigir;

c) Que o motorista autor da morte da sua vítima, pague por todos os prejuizos materiais e morais que causou à família enlutada, tendo que indenizá-la e para isso a justiça irá vender todos os bens que o motorista assassino tiver e doar para a família do morto.

Vamos lá, minha gente, vamos colocar aquela gente lá de Brasília para trabalhar, vamos exigir isto deles, aquele bando de inúteis ( salvo, raras excessões, pois ainda têm políticos bem intencionados e que trabalham em prol do povo, lá na Câmara Federal ( não podemos cometer injustiça: generalizando) são nossos servidores. Mas é inegável, que a maioria só está lá para ganhar dinheiro sem trabalhar. Podemos até dizer e isto é de conhecimentos de todos nós que a finalidade de muitos deles é roubar e fraudar.

Guerreiro Persistente

Sou Radialista Profissional: Locutor e assistente de Produção.

Clique aqui para ler este artigo na Artigonal.Com