Analisando alunos que tem enxaqueca Manaus, Amazonas

Um estudo observou que adolescentes que têm enxaqueca são mais propensos a ter menores notas no ensino médio. Os pesquisadores destacam que os que sofrem com enxaquecas têm problemas em frequentar à escola, além de apresentarem dificuldade de concentração nos dias em que estão presentes na sala de aula. Leia mais abaixo.

Francilene Am Bulbol
(92) 221-5296
r Anturios, 6, Jorge Teixeira
Manaus, Amazonas
 
Escolinha Maria Imaculada
(92) 232-2157
r Recife, 500, Santo Antônio
Manaus, Amazonas
 
Escola Integrada Sempre Viva
(92) 238-8027
bc Alves, 220, Vila Da Prata
Manaus, Amazonas
 
Lupa Análises Bromatologica Ltda
(92) 233-7656
av C Nery, 645, ap 101
Manaus, Amazonas
 
Tavares Ferreira e Cia Ltda
(92) 635-5972
r Trinta e Sete, 901, qd d 14
Manaus, Amazonas
 
Nina AF Neves
(92) 238-7474
r Dom Pedro I, 30, Compensa
Manaus, Amazonas
 
Escola Infantil Cantinho Feliz
(92) 234-7405
15
Manaus, Amazonas
 
Materdel Adm Hospitalar Ltda
(92) 233-1378
r L Malcher, 1167
Manaus, Amazonas
 
Inst Felippo Smaldone
(92) 238-8877
av Tókio, 100, Planalto
Manaus, Amazonas
 
Centro Integrado Alunos Com Necessidades Especiais Aprendizagem
(92) 642-1516
r Quarenta e um, 11, Castelo Branco
Manaus, Amazonas
 

Analisando alunos que tem enxaqueca

Um estudo da Universidade Americana de Washington observou que adolescentes que têm enxaqueca são mais propensos a ter menores notas no ensino médio, e correm mais risco de repetir o ano. Os pesquisadores destacam que os que sofrem com enxaquecas têm problemas em frequentar à escola, além de apresentarem dificuldade de concentração nos dias em que estão presentes na sala de aula.

Os especialistas avaliaram dados de 280 irmãos, e observaram que a enxaqueca estava associada a uma redução de 5% na média de pontuação no ensino médio, 5% nas chances de formar e de 15% na probabilidade de frequentar a universidade.

Além disso, os pesquisadores ressaltam que “ao centrar a atenção nas diferenças entre os irmãos, podemos excluir a possibilidade de que fatores no nível familiar, como o status socioeconômico, possam estar direcionando as relações entre a dor de cabeça da enxaqueca e o desempenho acadêmico”. No entanto, outros estudos devem ser feitos para confirmar esta relação.

"A enxaqueca não é uma simples dor de cabeça, mas sim uma síndrome neurológica que afeta grande parte da população. Podem aparecer náuseas e vômitos ao mesmo tempo. O pior problema da enxaqueca é a perda de rendimento, pois quando a enxaqueca ataca, muitas vezes não conseguimos ler, escrever ou até mesmo pensar", explica a farmacêutica e tutora do Portal Educação, Jeana Mara Escher de Souza.


Fonte: Assessoria de Imprensa - Portal Educação

Clique aqui para ler este artigo na Portal Idiomas