Analisando alunos que tem enxaqueca Macapá, Amapá

Um estudo observou que adolescentes que têm enxaqueca são mais propensos a ter menores notas no ensino médio. Os pesquisadores destacam que os que sofrem com enxaquecas têm problemas em frequentar à escola, além de apresentarem dificuldade de concentração nos dias em que estão presentes na sala de aula. Leia mais abaixo.

Reino do Carinho Hotelzinho
(133) 261-6336
r Amélia Leuchtemberg, 28, Ponta da Praia
Santos, São Paulo
 
Escolinha O Territorio da Criança Esporte e Artes
(17) 522-0919
r Doze de Outubro, 831, Higienópolis
Catanduva, São Paulo
 
Creche A Pequena Casa Maria
(343) 332-4039
av Leopoldo Oliveira SN
Uberaba, Minas Gerais
 
El Miguelito Centro de Recreação e Desenvolvimento Infantil S/C Ltda
(113) 742-8161
av Jorge João Saad, 786, Morumbi
São Paulo, São Paulo
 
Centro Educação Infantil Laurentina Mendonça Correa
(273) 325-3188
r Professora Anizia Correa Rocha, 120, Nossa Senhora Da Consolação
Vitória, Espírito Santo
 
Escola Infantil Magia de Criança Ltda
(313) 418-6901
r Água, 665, caa, Serra
Belo Horizonte, Minas Gerais
 
Centro Educacional Cuca Legal Ltda
(343) 216-3963
av Orizio Borges, 2097
Uberlândia, Minas Gerais
 
Escola Vagalume Sc Ltda
(43) 324-3588
r Anita Garibaldi, 150, Agari
Londrina, Paraná
 
Escola de Educação Infantil Nossa Senhora das Vitórias S/C Ltda
(116) 671-9959
pça Vitórias,N S, 38, Vila Formosa
São Paulo, São Paulo
 
Geraldo Maria Chinaglia Chaine
(193) 442-3242
r T Sobr, 106
Limeira, São Paulo
 

Analisando alunos que tem enxaqueca

Um estudo da Universidade Americana de Washington observou que adolescentes que têm enxaqueca são mais propensos a ter menores notas no ensino médio, e correm mais risco de repetir o ano. Os pesquisadores destacam que os que sofrem com enxaquecas têm problemas em frequentar à escola, além de apresentarem dificuldade de concentração nos dias em que estão presentes na sala de aula.

Os especialistas avaliaram dados de 280 irmãos, e observaram que a enxaqueca estava associada a uma redução de 5% na média de pontuação no ensino médio, 5% nas chances de formar e de 15% na probabilidade de frequentar a universidade.

Além disso, os pesquisadores ressaltam que “ao centrar a atenção nas diferenças entre os irmãos, podemos excluir a possibilidade de que fatores no nível familiar, como o status socioeconômico, possam estar direcionando as relações entre a dor de cabeça da enxaqueca e o desempenho acadêmico”. No entanto, outros estudos devem ser feitos para confirmar esta relação.

"A enxaqueca não é uma simples dor de cabeça, mas sim uma síndrome neurológica que afeta grande parte da população. Podem aparecer náuseas e vômitos ao mesmo tempo. O pior problema da enxaqueca é a perda de rendimento, pois quando a enxaqueca ataca, muitas vezes não conseguimos ler, escrever ou até mesmo pensar", explica a farmacêutica e tutora do Portal Educação, Jeana Mara Escher de Souza.


Fonte: Assessoria de Imprensa - Portal Educação

Clique aqui para ler este artigo na Portal Idiomas